segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Na bundinha não!! ...não? (Fio-Terra)


Pois é, mais uma vez Andreas se adentrando em temas controversos...
Mas dessa vez, o post relacionado a sexo ser de minha autoria, não é minha culpa, fui imbuído por Anna a fazê-lo, depois de uma conversa de bar entre Anna, Andreas e Marie...

Como eu havia dito no post quase homônimo a esse, existe um preconceito social ligado à região anal, não entrarei tanto em méritos nesse post, mas pode dar uma lidinha lá ;)

O objetivo aqui, é falar de um tabu masculino agora, o famoso dedinho lá atrás, nosso famigerado fio-terra!
Porque ele é tabu?
Acho que poderia se fazer um livro disso, hehehe, fazer um levantamento sócio-histórico do homem e sua construção como tal na modernidade, mas enfim, vou ser mais específico. Como disseram nos comentários do outro post, existe uma questão subjetiva de dominação nessa relação fálica-anal, cujo a pessoa que está na posição fálica tem o total controle daquele que está na função passivo-anal... traduzindo pro português claro, quem ta com o dedo (ou outra coisa) no cu do outro, ta no comando... Isso é uma questão cultural, e uma questão física mesmo... é como se quem estiver passivamente, põe toda uma responsabilidade e confiança no ativo.
Mas creio mesmo que o maior tabu existente é “quem gosta de dar a bunda é viado!” isso é uma idéia mais do que disseminada, por homens e por mulheres, a prática anal está diretamente ligada ao prazer homossexual... porém, o ânus é uma região erógena como outras tantas que temos no corpo e a utilização ou não dessa região, obviamente não está ligado à sexualidade do indivíduo. Mesmo porque, existem os homossexuais que não gostam também, que são “ativos”, então a sexualidade está vinculada a atração por um determinado gênero, se o cara se atrai por mulheres, ele pode fazer o que for com uma mulher entre 4 paredes, ele não estará pondo em cheque as suas opções sexuais ou faltando com a “masculinidade”.

Lembrando que o fio-terra também pode ser feito em uma mulher... enfoquei aqui o tema masculino, que é o que gera maior polêmica, porém há um bloqueio quanto a isso com as mulheres também, como dito no anterior, muitas dizem “no meu furico, não!” mesmo antes de saber o que aquilo irá gerar ou não...

Pelo o que eu vejo na opinião feminina, a visão ativa delas é bem controversa, já vi algumas que falaram que levaria numa boa, outras que morrem de vontade de pôr o dedinho lá e outras que vêm isso como o final do mundo... além de desqualificar um sujeito que queira.

Por fim, a pergunta devolutiva de Andreas, na bundinha, não??

O que sei, é que o preconceito vai demorar muito pra ser quebrado e o tema continuará um “tabu” entre nós.

20 comentários:

Mariana Valente disse...

Bom, eu particularmente não faço fio-terra! Há outros modos da mulher ser a dominadora na relação sem precisar de utilizar dedo ou até mesmo strap-on... Mas isso é uma opção minha, não por preconceito, cada um tem seu limite no sexo. Há homens que falam aos quatro ventos que isso é coisa de gay mas chega na hora H é só a mulher passear com o dedinho perto e eles se arreganham todos, hahahahahaha! Agora tem outros que só de pensar nisso já sobem no teto tremendo de medo! Um amigo me disse uma vez que tinha medo que alguem fizesse e ele comçasse a gostar, então ele evitava... O problema em relação à masculinidade Andreas não é no fator do fio-terra em si, mas sim quando ele se torna parte obrigatória do sexo (algo como "se não fizer eu nao consigo sentir prazer na relação") e a mulher acaba se tornando secundária, pois o importante é o dedo... Maldita massagem prostática, hahahaha

E faltou a sua opinião pessoal sobre o assunto... Cadê???

Beijinhos ;)

Anna Oh! disse...

Andreas, seus posts estão com uma fixação na fase anal!! Huahauahauahauahaau

Meu, se o cara quisesse, eu faria, mas ni mim naaaaaaaaaaum, sai pra lá ET!

Rosa Canela disse...

Não vejo problema nenhum no tão polêmico "Fio Terra"..apesar de ser Homosexual conheço muitas meninas que também tem esse tipo de preconceito..na minha opinião prazer é sempre válido,derrepente a pessoa perde a oportunidade de ter diferentes formas de prazer por conta de um conceito ou de axar que isso vai deixar ela menos mulher ou menos homem que seja!
Também não acho nada legal como disse a Mariana Valente, este povinhu que faz posse e quando chega na hora se abre todo ...e ainda acreditem tem gente que pede pelo amor de Deus pra que a gente não conte isso pra ninguem ...hauhauahah

Andreas seus posts são sempre ótimos e fico cada dia mais fã do Blog de vcs!! =)

Beijos

Rosa

Rafael Velasquez disse...

Já escrevi sobre isso. Defendo a idéia de que o cú é um objeto sagrado - todo homem quer, mas nenhum quer dar (alguns até gostam de dar).

canseidexuxu disse...

Oi Andreas

Tema polêmico! :)
Bom, eu e meu xuxu nos enquadravamos na opção TABU (nem vem que não tem) até nos encontrarmos na vida... Como a gente tem uma sintonia muito bacana e segurança um com o outro, decidimos experimentar.
(Suspiro) Pode ser bom e pode ser ruim. Tem que saber fazer, aí fica irresistível (pra ambos).
Moral de História, se você não curte, pode se surpreender quando fizer com alguém especial!

Beijos
Xu

Endorfina disse...

não faz meu tipo
mas sem preconceito algum pq é uma zona erogena.
até acho que os homens não deveriam se envergonhar,

Marie Curie disse...

Opa, e não é que nosso papo de bar virou post? Hehe, tenho q tomar mais cuidado perto de vc quando estiver bêbada, haha! Beeem, como já disse antes, eu acho que entre quatro paredes pode tudo, mas só quando ambos estão à vontade. Já conheci amigos q falam q broxavam quando eram "plugados" (palavrinha que o Andreas destruiu pra mim e pra Anna, haha! Nunca mais pensaremos em plugar da mesma forma!), ouvi amigas que curtiram e outras que tem horror. Eu confesso que acho desconfortável, ficaria tensa, com medo de depois vir mais q o dedo, hehe. O que importa é a dinâmica da relação mesmo, muito papo e o resto vai q vai! Bjus gente!

Drêycka disse...

Resumindo em uma palavra minha opinião sobre o assunto: PODRE.

Jamas faria! E se o cara pedir pra eu fazer nele: CHAMO ELE DE VEADO.

Oo

ahahahah
nada contra os q gostam... hihihi

Jana disse...

Olha cada um com seu c, e cada um com o que goste. Nunca me pediram se me pedissem na hora eu ia ver a reação rs

beijo

*•·• -=|KÅ®ÎÑÅ|=- •·•* disse...

...adorooooooooo temas polêmicos!!! hahahahahaha

Andreasssssss vc "receberia"? Melhor perguntando: 1) Tem curiosidade? 2) Se a mulher quisesse fazer, aceitaria?

Não vou escrever muito não nesse post, no outro eu me alonguei mto! kkkkkkkkk

Drunken Alina disse...

Um belo dia meu namorado resolveu dar uma lambida no meu c*.
Foi bom, nunca tinha tinha experimentado.
Então pensei: "tb vou lamber o dele" e lambi.
Ele adorou.
Daí foi um pulo para colocar o dedinho!
No começo ele era tímido, tinha medo que eu achasse isso muito estranho, mas o fato é que eu ADORO e sinto mais tesão ainda fazendo isso nele!
Ele gosta muito.
Ele diz que sou a pessoa mais doida q já viu.
Não acho que é só gay que gosta disso não, pq ele é bem tarado.

Andreas Ribeiro disse...

Bom... minha opinião pessoal?

Tem 2 lados de se encarar a coisa... ativamente e passivamente...

Ativamente eu não vejo problema nenhum... e qdo fiz sempre achei excitante, como disse a Drunken Aline... so, no problems

Passivamente, vou responder as 2 perguntas da Karina...
Curiosidade? Não tenho... nem curiosidade, nem vontade.. (q são a mesma coisa... quase... enfim)
Agora se a guria quisesse fazer... dependendo de quem fosse e tals... eu poderia aceitar sim... gostar ou não... nunca se sabe

Agora o cara só obter prazer nisso Mari... ae o cara ta com uma fixação Anal.. como disse a Anna... hehehe

Alias anna.. axo que você tem algum recalcamento anal =P hahahahaha

Plugado é foda Marie... rio muito com esse termo...

Mariana Valente disse...

Lá vem eu de novo dando pitaco, hahaha... A Drunken Alina comentou do beijo grego, a experiencia que tive em relação a isso não foi muito proveitosa... Creio que foi pela vibe entre eu e o carinha que não era assim tão boa... Ele meio que quis impor o ritmo... Alguem mais aqui odeia a empurradinha na cabeça??? PQP, isso me estressa, hahaha! Voltando ao assunto, o sexo por mais que tenha fio-terra, beijo grego ou nem que seja no simples papis e mamis vai depender da quimica do casal... Senão vira uma coisa sem graça e mecânica... Como a Marie disse, tem que ter um papo, uma conversa, cada um saber o seu limite, o que gosta de fazer ou não... Se eu chegar num cara do nada e meter o dedão sem saber o que ele curte e ele tiver horror disso, vai melar o esquema todo... Então vamos dialogar!!!

Mi disse...

Para mim isto é um baita TABU, de fato. Conheci um cara que era FANÁTICO por isso.

Ah, mas quer saber? Sendo sincero com o(a) parceiro(a), cada um deve se realizar como quiser.

Beijinhos.

Olirum disse...

esse é um assunto, digamos, complicado!!!
Nem sei o que falar sobre...
Só acho que os homens tinham que colocar o preconceito de lado e se gostam de um dedinho "lá", que parem de achar que isso irá ferir a sua característica de macho.

Bjs, bom texto!

Ana Julia disse...

eu nunca coloquei meu dedo em ninguém, nem tenho vontade... eu gosto de sexo anal, mas confesso que o dedinho me dá agonia.

Garotas de Vinte e Poucos disse...

acho que na bundinha é uma coisa mto particular, vai de momento e de conversa...
cada um na sua. se vc quer: se entregue! se nào quer: guarde o que é seu e não condene os outros!
bjo
*lala*

Renata - Mulheres Separadas disse...

Acho que tem muitos tabus que vão ter que cair antes deste. bjs.

Anna Oh! disse...

huahauahauahauahauahau, como vc presenciou ontem (gente, não pensem besteira), minha fixação é na fase oral hauahauahauahuaahu. Eu só gosto de ser a parte "ativa" da coisa, saca? No meu furico, no.

Carrie disse...

concordo com a mari lááááá em cima!
nao faço fio-terra, mas sem preconceito com quem curte, gosta, deixa, sei lá!

rs

Bjus Andreas e meninas.

Carrie*