domingo, 31 de agosto de 2008

Cirurgias e afins

...e finalmente Marie Curie volta ao blog! Depois de uma semana complicada onde a minha vida virtual já era, (nem pergunte da vida pessoal!) estou aqui novamente!
Bem, procurando por uma boa idéia para postar aqui, eu e a Anna acabamos no papo cirurgia plástica! Gente, veja como mulher é fogo, eu queria ter os peitos dela, e vice-versa! (de um jeito heterossexual, gente!).

Peito pequeno, que dá pra usar frente única sem sutiã, gente, acho chique! Acho digno, haha! Muitas mulheres perdem a paciência nas academias e resolvem acabar logo com tudo: cirurgia já! Tira daqui, põe ali, estica, corta, que coisa!
Bem, além do medo de uma cirurgia, o que mais me inibe a fazer qualquer modificação é ver que, no fim, várias mulheres ou ficam descontentes ou volta tudo ao que era antes! Eu vou dar a minha opinião de cientista maluca, e a Anna pode me ajudar com algo mais humano, hehe!
Gente, as nossas células adiposas, as malditas, se proliferam até o fim da infância. Depois disso, as células ficam lá, são as mesmas até a gente morrer. Engordar ou emagrecer é encher ou esvaziar as malditas! É a famosa "tendência a engordar". A lipo tiraria essas células, daí a tendência diminui, certo? ERRADO! Olha só, quando a lipo acontece, há um estímulo pra que as células se multipliquem novamente, que nem gremilins! Daí há o risco de voltar tudo!

O piteco de Anna é bem vaselina.
O lado ruim de aderir à moda das cirurgias é nossa ilusão em relação aos resultados. Podemos criar fantasias de que nossa vida mudará por conta de seios maiores ou de menos gordura no corpo; o fato é que a vida continuará sendo praticamente a mesma e nada mudará magicamente. Outro ponto que deve receber uma reflexão especial são cirurgias de redução de estômago; elas necessitam de acompanhamento psicológico, no pré e pós operatório. Podem acontecer casos de "despersonalização", porque uma pessoa que passou a vida toda tendo sua identidade intimamente ligada ao peso pode não se reconhecer como si mesma ao perceber-se magra, e entrar em graves depressões.
É indispensável que a pessoa que deseja fazer a cirurgia se pergunte: faço isso por mim ou pelos outros? Se o desejo for de agradar aos outros, de estar na moda ou ser o estilo de mulher pregado pelas propagandas, querida, você tá precisando confiar mais no seu taco...
Agora, se o desejo de modificar alguma parte do corpo, seja ela qual for, estiver ligado com sua auto-estima, o papo é outro. Muitas mulheres deixam de sair de casa por sua aprência, escondem-se atrás de roupas largas, escondem as orelhas atrás do cabelo, passam horas na frente do espelho se torturando diariamente com mais e mais maquiagem pra "disfarçar" um nariz maior, uma boca fininha... quantas mulheres não passam o dia enfiadas em cintas, modeladores ruins de tirar e piores ainda na hora de serem colocados? Quanto sofrimento isso não causa?! Acho que se ELA sente essa necessidade, se o "problema" trás um sofrimento, ela deve sim procurar recursos para viver melhor, nem que seja uma cirurgia. Lembrando da importância de consultar uma equipe médica, e averiguar suas condições emocionais com um psicólogo.

14 comentários:

Mariana Valente disse...

Eu pensava muito em plástica... Mas depois de estudar infecções hospitalares e ver tanto caso de infecções por cirurgias, não arriscaria mudar algo por simples vaidade e arriscar minha saúde para isso... Já tive muitos problemas e complexos pelo meu peso (sabem da dieta das bolachas q tava fazendo né? hehehe) mas hj em dia convivo muito melhor... Gosto do meu nariz, dos peitos nao posso reclamar, enfim... Acho que temos que fazer um esforço para nos aceitarmos ou tentar melhorar sem entrar na faca... As bactérias são do mal (né Marie???)

Beijoks

Rebeca Medeiros disse...

Eu arranquei fora metade dos meus peitos e tô feliz da vida! \o/

hehehe

Bjs

Rebeca
www.doavesso.com

canseidexuxu disse...

Oi meninas!

Hoje tem muito oba-oba em relação à cirurgia plástica. A mulherada tá se passando, engordou um poquinho, já sonha com a lipo! Alimentação e exercício são colocados como segunda opção. A Marie tem razão ao dizer que é por pouco tempo... Além de que a cirurgia sempre envolve riscos!

Mas concordo quando o assunto é resolver algo que te incomodou a vida inteira. Tem oportunidade de arrumar, arruma mesmo! Anna tá certa na questão auto-estima.

Beijos
Xu

Carrie disse...

eu odeio muitas coisas em mim, mas sou tão preguiçosa para academia...
mais ainda pra cirurgias!

bjus

Carrie*

Andreas Ribeiro disse...

É... hj em dia tem uma banalização isso... além da banalização da imagem e tals, como eu disse em posts anteriores... mas algumas coisas, que vão ser significativas na sua auto-estima... e se vc puder fazer... go ahead!!

Kisses

Andreas

Renata - Mulheres Separadas disse...

Meninas, para mim cirurgia só em caso de doença, e grave. Senão tô fora. bjs

Marie Curie disse...

Anna Oh: Assino embaixo de tuuudoo o q vc disse! Perfeito! Amo nossas parcerias, haha!

Mariana Valente: Bactérias são from hell, hahaha! Mas pior q elas são os fungos que contaminam cultura e nunca mais saem aqueles esporos =O

Rebeca: Opa, vc tá chique, hahaha! Bjos linda, é ótimo que esteja feliz!

Canseidexuxu: Politica, vcné? Hahaha Brincadeira linda, o pbjetivo era tentar dar um aidéia geral mesmo, vários pontos de vista!

Carrie: Academias me cansam taaanto! Gente, pensa bem: Vc paga pra comer. Daí engorda. Daí vc paga pra se cansar na academia e se cansar, hahaha! è um gasto de dinheiro, =D Brincadeira, eu queria ter o pique pra ir todo dia a academia sim...

Andreas:Sempre concordando com a Anna, hehe! Brincadeira! Mas essa banalização é fogo mesmo... veja que a mesma coisa pode ser feita por motivos diferentes, e são esses motivos que fazem a coisa se tornar certa ou errada, hehe! Confundiu?

Beijos gente!

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Eu sou 100% a favor da cirurgia plástica (comedida, perai..). Se um detalhe do seu corpo te faz: pica fora! Se falta uma frescurinha: põe pra dentro.
Claro que nada de 12 cirurgias pra ficar igual a Sheer, mas uma subidinha aqui e acolá, válido demais.
Bjo
*Lala*

Rosa Canela disse...

Bom eu tb sou a favor da Cirurgia Plástica afinal só quem vive o frama de conviver comalgo que não gosta no corpo sabe o bem que ela pode proposcionar ...mais como o Andreas disse nada de banalizar ...e fazer qualquer pneuzinhu ser motivo de entrar na faca ...

beijos

ROSA

*•·• -=|KÅ®ÎÑÅ|=- •·•* disse...

Hehehehe se eu pudesse faria mtas cirurgias... mas tipo, se tivesse dinheiro sobrando³³³ hahahah

Muitas coisa me incomodam em mim.... bom, n sei se muitas, mas elas existem, isso é fato! hahhaah Mas não é uma questão de não conseguir conviver com isso... por mim, está numa boa até! rs


Ah... mas se eu ganhar na mega sena..... ^^ rs

Drêycka disse...

"há um estímulo pra que as células se multipliquem novamente, que nem //gremilins//!"

GREMILINS?!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Marie Curie disse...

Haha, pois é meu, tenho medo dessas células! Hahaha! E a imagem de vários bichinhos se multiplicando do nada... argh! hahaha!

Vanessa de Jesus disse...

Poxa! Eu pensei que era a única "medrosa"! O que tem de gente querendo tirar até o que não tem...não está no gibi, a mulherada está entrando na faca por qualquer coisa, e eu... precisando de uma lipo... e sem a menor coragem... Acho que vou recorrer a drenagens linfáticas...academia... dietas seca barriga sei lá, quem souber de alguma coisa pra perder alguns centímetros do abdomem, por favor me passem. Afinal o negócio tá feio, mas cirurgia, só em ultimo caso, admiro quem tem coragem de entrar na faca por estética, mas...vou continuar com o meu medinho e dando o meu jeitinho pra emagrecer.

Laiane Camargo disse...

Parabéns! Esse blog é simplesmente maravilhoso! Fiquei horas e horas lendo as postagens... Adorei! Beijinhos