quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Qual foi sua noite maaaaaais maluca de todas?

O Divã tem o prazer de comunicar que a Ka, leitora assídua do blog, ganhou o kit do filme "Os Normais 2: A noite mais maluca de todas". Ela nos enviou a seguinte história por e-mail:

"Quando era mais nova comecei a namorar um amigo e aí com um mês a coisa já tava pegando fogo. Passou um tempo e logo perdi a virgindade com ele, mas isso foi num dia de semana. No final de semana ele pegou o carro da mãe e me levou a um motel, para fazer uma surpresa. O carro dele era um Passat 86, sem travas elétricas. O carro da mãe era um Gol do ano corrente, com as tais travas elétricas. Chegando lá no motel, ele pediu uma suíte e subimos de carro. Quando ele estacionou na garagem, saiu do carro pra fechar a porta da garagem, batendo a porta do motorista e me deixando dentro do carro. Assim que ele saiu, resolvi sair e também bati a minha, sem perceber que a chave do carro estava na ignição. Pronto. Em 10 segundos o carro se trancou, com a chave dentro, na garagem da suíte do motel. Comecei a chorar compulvimente e ele lá assustado sem saber o que fazer, até que gritou comigo, me mandando parar de chorar e dizendo que depois veria o que faria, mas que naquele momento a gente deveria aproveitar o motel. Ainda levei quase uma hora pra ficar menos desesperada e curtir a noite. Depois de tudo, já na hora de ir embora, ele ligou pra irmã dele pedindo para ela levar a chave reserva do carro, mas inventou uma história louca pra mãe dele, dizendo que estávamos presos num shopping, para que ela não soubesse que tínhamos trancado o carro no motel. Depois de muito insistir a irmã dele concordou em levar a chave e meia hora depois liga a recepcionista dizendo que um casal estava lá embaixo dizendo que haviam sido convidados para a nossa suíte. Mandamos deixar subir e quando vimos era a irmã dele com um amigo num carro, trazendo a chave reserva. A irmã e o amigo foram embora quando viram que a gente tinha conseguido abrir o carro, e depois de pagar a conta, fomos embora. Ao sairmos a cara da recepcionista pra nós dois era de total surpresa, pois no mínimo achou que tínhamos feito sexo com o outro casal. Depois dessa noite nunca mais desci de um carro sem olhar se a chave estava ou não na ignição."

8 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Boa história!

Minhas histórias mais doidas são pesadas demais... rs... Não dava nem pra contar.. rs

Beijocas

Olhos e pensamentos disse...

Haahahhahahahh adorei

Kleiton - Simplesmente Ser disse...

Quem já nao passou por isso né, otimo texto, bjos

¤*Daiazinha*¤ disse...

Nossa! Eu não sei se choraria compulsivamente, mas com certeza ficaria bem desesperada! Que vergonha... sei lá! Hahahaha! Não por mim... mas pelo risco de a minha familia ficar sabendo... já que pra eles, quase tudo é um absurdo!

Drêycka disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk

MERECEU! A história é ótima! rsrsrs Meus parabéns para a KA.

Bjs a todos vcs!!!

Pollyanna Carvalho disse...

kkk rachei muito com essa história!!

Se fosse comigo teria um infarto assim que saisse do carro!! iria embora correndo e apé do motel , e com certeza ficaria desesperada e seria fim da noite, sem clima...

rssss

Desabafando disse...

kkkkkkkkkkkkk...adorei!

Thayanne disse...

nossa k historia engraçada kakakaka gostei do blog, muito legal e com temas atuais interresantes...