terça-feira, 19 de maio de 2009

A teoria do pote de azeitona


Essa semana enquanto o carro dava problema, estava eu imaginando como resolver esse perrengue. Eis que me lembrei de como meu pai sempre fica irritado quando sou eu quem dá uma solução nos problemas automobilísticos. Pois é óbvio que eu não sei o que é o barulho estranho no motor, mesmo que tenha uma chave de fenda enfiada! Ou qualquer coisa assim!

Antes de pensar que o meu pai é birrento (e ele é um pouquinho, que fique registrado), esse tipo de comportamento já foi observado com outros espécimes masculinos, como meu ex. Além de ser um daqueles que amam ouvir barulhos de motores barulhentos, ele era daqueles que sabiam tudo de informática. E ai de quem contrariasse. Cenas como "Como assim você foi comprar um cabo USB sem mim?!?! Comprou o certo pelo menos???" se repetiam com uma frequência entediante.

Ou quando, saindo cega do oculista, depois de atravessar umas três ruas movimentadíssimas da avenida paulista meu namorado me faz esperar no shopping para que ele possa resgatar a donzela em perigo aqui!

Bem, uma sábia amiga me disse certa vez: "Não importa se você é capaz, de vez em quando você deve deixá-lo abrir uns potes de azeitona pra você!" Ou seja: para manter o moço com orgulho intacto, é bom ter um pouquinho de jogo de cintura e deixar que ele cuide de você um pouquinho, mulher independente! Os benefícios são claros: Homens relaxados, felizes, se achando o melhor da espécie e com benefícios que podem ser verificados na cama!

Quando nós resolvemos fazer algo que eles, homens rústicos, consideram algo estritamente masculino, não é que nós queremos invadir esse território. Nem é tão importante assim fazer essas coisas sozinhas. Mas se precisamos que a lâmpada seja trocada ou que a pia seja consertada e vocês ficam enrolando, fugindo ou muito ocupados, nós temos que arranjar um jeito de resolver esses assuntos! Fazendo nós mesmas ou pagando quem faça!

Mas até nós explicarmos que nariz de porco não é tomada... deixemos as tampas de azeitona para eles abrirem. O que eu fiz com meu pai essa semana quando o carro deu problema? Óbvio, liguei para ele! Que ficou todo cavalheiro ajudando a menina indefesa dele.

Vai entender...

Beijos da Marie, a louca!

30 comentários:

Sarah disse...

rá! essa teoria é boa viu!
meu ex era assim, nao deixava eu carregar uma sacola, nem levar carro pra abastecer, qto menos calibrar pneu. Coisas q eu fazia antes de namorar com ele, mas q fui deixando ele fazer! Agora q nao estamos mais juntos, voltei a fazer tdo sozinha, pq o novo namo, ta nem ai nao rs!
Beijos

Emiliano M disse...

humm, nada que seleção sexual não explique (alguns comportamentos "primatas" de nós homens são muito mais facilmente explicados que algumas maluquices femininas).

Apesar das brincadeiras que faço volta e meia, sou um cara bem feminista. Não encano muito com "potes de azeitona". Com computadores, por exemplo, é a minha pequena quem tem que me prestar ajuda. Ainda assim, acho algumas "cavalheirices" muito bacanas. É preciso entender e conviver com as diferenças entre homem e mulher...

fiquem na Paz amiguinh@s

Jhennifer Cavassola disse...

Quee belissimo texto! :)

Marie Curie disse...

Sarah: Pois é, depois de nos deixar mal acostumadas, pegar no tranco é difíííííícil! Eu acabava fazendo beicinho pra alguém fazer por mim, hohohoho! Bjus moça, saudadonas! ^^
Emiliano M: Vc sabia que a amiga que me inspirou o texto foi a sua pequena? Mesmo que ela não saiba, pq foi ela quem me disse essa frase há alguns anos, mas me marcou de uma tal forma... ah, eu já te disse que eu adoro quando vc chama ela de pequena? É mega fofo!Ou melhor, mto xuxu!
Jhennifer: Uia, obrigada moça! Bjões!

A Lobba! disse...

Marie, que de louca não tem nada...
Muito espertinha e sagaz!
concordo!
Deixe-mos a eles os 'potes de azeitonas'!rsrsrs
Lambidas da lobba!

Loira e Morena disse...

Hahah.. é assim mesmo, as vezes temos q deixar eles tomarem conta um pouco das coisas, mas só as vezes viu..hahaha

Beijaoo da Morena!

Malaguetta disse...

heroi de vez em quando estimula o ego de todo mundo

Patricia disse...

eu acho isso muito normal, eu estava lendo um artigo sobre como "adestrar seu homem" e lá dizia que nós devíamos pedir ajuda e recompensar depois, acho que isso funciona com todo mundo. :)

Words and Movies disse...

Adorei o post !!! Boa teoria essa...Os homens se sentem tão orgulhosos qnd a mulher pede ajuda! ¬¬"
Assim como nós mulheres tbm... Faz bem pro ego!
hehehe
Bjão querida

¤*Daiazinha*¤ disse...

É, tenha a certeza de que vc fez uma boa ação! Homens gostam de se sentir heróis mesmo, e às vezes, nessa independência que temos hoje em dia, esquecemos de dar uma brechinha a eles... hahaha!

Bjo

*K-rol* disse...

Eu sou do tipo independente camuflada...
Tenho um amgo que ama ser o cavalheiro e eu nem saio do carro dele se ele nao abrir a minha porta! acho o máximo e ele tbm!
haha!!
com meu pai sempre funciona com vidro de palmito! ele fica tão orgulhoso! minha mamis tbm o usa para abrir vidros de palmito!

ha algum tempo surgiu uma nova do papai...
passei por uma fase onde eu gastava muita energia no ano passado e eu comia mais qe o papí{era muito mesmo, hoje até me assusto de lembrar!}, pra que? ele ficava bravo! haha! comecei comer menos na frente dele, soh pra ele naum se sentir constrangido!

homam eh um bicho que gosta de se sentir no comando da situaçao!haha!!

otimo texto! beijos!

Raquel El-Bachá disse...

É mesmo, Marie. Eu nunca fui fragilzinha de ficar pedindo favor a pai ou a namorado. Em razão disso, já ouvi por diversas vezes que sou orgulhosa.
Deixar que façam alguma coisa por nós de vez em quando é bom, mas não sempre para não acostumá-los mal e criar a falsa impressam de que somos completamente dependentes deles.
Beijos.

Bia Firpo disse...

kkkkkkkkkkkkkk, concordo plenamente com vc!

Marie Curie disse...

Pois é meninas, temos que dar a chance de sermos cuidadas, não adianta falar q nom tem homem cavalherio se a gente não dá a chance!

Carrie disse...

ahhhhh
tenho que praticar mais essa teoria!
meu namorado chegou a me dizer que "sou independente demais", porque nunca o deixo me ajudar!!!
foi então que percebi!
a teoria é bem verdade....

bjus

saudades d passar aqui!!!

carrie*

Nina Fiuza disse...

Menina, sou nova no universo do blog e só agora estou encontrando os blogs legais de verdade(porque só conhcia aquele estilo diário chatérrimo). AMEI o seu blog. As teorias são ótimas e as interpretações então,nem se fala. Vou linkar o seu blog no meu. FAlando nele, passa lá pra dar uma olhada. Tem uns textos bem engraçados sobre a vida de "Mãe-solteira recém-casada". Beijocas!

Bebel Sousa disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

Muito bom! Meu pai é meio birrento tbm, tem horas que ele quer abrir a tampa do pote, em outras ocasiões quer que suas filhas e esposa se virem...rsrsrsrs

Meu namorado adora abrir o pote, mas é eu sou meio bruta as vezes e esqueço que ele gosta disso...rsrsrsrs

bjus

Luh disse...

Oh My God!!! eu tenho q aprender isso.. pq ODEIO esperar que alguém faça alguma coisa por mim. Em 99% da vezes, não espero e resolvo sozinha! Me lembrarei disso sempre!

beijoss

Lado Avesso disse...

Lá em casa sou eu quem faz essas coisas ditas de homens. Engraçado que sempre fiz, mesmo quando era solteira e nunca achei nada demais. Meu maridão trabalha fora bem mais que euzinha aqui e portanto, trocar umas lâmapadas, o chuveiro ou abrir uns potinhos não gera nenhum tipo de disputa.Mas a porta ele continua abrindo, bem como puxando a cadeira no restaurante e eu adoro!!Cavalheirismo nunca sai de moda e é uma questão de delicadeza.

Casal do Arrocha disse...

Eles precisam dessa elevação de ego!
rs rs rs
Bjs...

Ana Julia disse...

Não custa nada mesmo deixar uns potes de azeitona p/ eles... rs
bjos

Ana Julia disse...

Não custa nada mesmo deixar uns potes de azeitona p/ eles... rs
bjos

Dani Antunes disse...

Eles precisam se sentir úteis sempre. Fato.

Ari e Gutt. disse...

Que texto mais machista, deeeeus do céu!! rsrsrs...

A astúcia feminina é tão notória que torna-se até piegas falar sobre...de facto, somos nós, homens, reles instrumentos nas mãos habilidosas de vocês mulheres! ¬¬ rs...
.
Guttwein
http://bloggalemdoqueseve.blogspot.com
.

Splinter disse...

Apesar de eu ser homem eu gostei do textoo ;D;D

www.splinterowned.com

;*

meus instantes e momentos disse...

Muito bom gostei daqui.
maneirissimo texto.
Tenha um ótimo domingo.
Maurizio

Desabafando disse...

Adorei seu texto. Acho que isso é puro instinto de proteção, de defesa, de querer cuidar. Afinal com tanta liberdade e independência que nós mulheres conquistamos, eles precisam demonstrar de alguma forma que ainda estão no comando. E concordo que às vezes devemos deixar que eles ajam dessa forma.

Mayana Carvalho disse...

É a inteligencia feminina entrando em prática. Porque ao contrario dos homens, não temos necessidade de provar ao exterior que somos capazes e boas em alguma coisa.
Haushauhsuahsuah.

Beijos

Drêycka disse...

Opa! Se for assim, vou comprar um lote inteiro de pote de azeitona pra ver se interte o meu pai.

huahuahuahua

Rafa @guapinharj disse...

de vez em quando é bom dar uma de sexo frágil.....adoro ser protegida rsrs