terça-feira, 6 de janeiro de 2009

O preço de uma marca

Andreas está de volta, depois de 15 dias de férias (merecidas, vai gente... uhahuahua) E com um assunto que não é sobre economia, marketing ou coisas do gênero.
Como estamos em época de férias de verão, nós paulistanos passando férias na praia, lotando todas as cidades litorâneas, e lá estão as mulheres, e estão na corrida maluca contra o tempo que possuem de descanso para conseguirem a adorada... Marquinha do Biquini de sol...
Sim queridas leitores, quanto vale pra ficar bronzeada e com a tão desejada marquinha?

Começamos pela aventura de descer à praia em época de festas... Imagine esse post todo em formato daqueles desenhos do Pateta... pois é tudo nesse estilo. Trânsito da porta de casa até a estrada, na estrada, na serra, na estrada pra cidade que você vai depois da serra, na cidade em questão, na avenida principal dessa cidade, na rua em que você vai aportar, na porta do prédio e dentro da garagem do prédio... do começo ao fim...

Eis que chega a querida praia, disputa de guarda-sol, disputa de pedaço de areia, disputa na barraca de pastel, disputa pela água do mar... enfim.. quando a bonita consegue seu cantinho ao sol (literalmente falando) Vem aqueles momentos de loucuras... Não passar um protetor solar, ou passar aqueles óleos bronzeadores (e colocar a sua pele à prêmio pro sol fritar... no mínimo) Ou então, mesmo com um protetor solar razoável, ficar o dia inteiro na praia, inclusive debaixo do sol do meio-dia e dos demais sóis que não são muito próprios...

E deita pra cima pra queimar a barriguinha e o colo, deita pra baixo pra deixar as costas e o bumbum lindinhos... e vira e desvira... No final do dia sempre queimou algo à mais que outra parte... e então vem o dia seguinte e ela vai querer compensar pra “bronzear por igual” e passa menos protetor aqui, mais óleo bronzeador ali e de tentar em tentar bronzear por igual, corre-se o sério risco de virar o camarão da praia, ou então uma “morena carvão” que não parece bronzeada, mas frita... e quem sabe alguma que conseguiu o bronzeado que queria... mas será que a pele resiste muito tempo à isso?

E então se foram as férias, tempo, dinheiro e esforço para uma bronzeado.. valeu a pena? Isso não sou eu quem vou dizer... mas acho que muitas vezes, as mulheres pensam demais nas marquinhas e se esquecem de coisas que podem ser bem mais legais e produtivas...

28 comentários:

Bell Bastos disse...

Bom, esse tipo de esquecimento nunca acontece comigo, já que eu odeio ficar torrando que nem uma lagartixa e também não gosto de sol e nem de calor.

Mas eu concordo com você, muitas vezes as mulheres se esquecem de fazer coisas muito mais produtivas pra ver quem ganha o troféu de "mais torrada do escritório".

Nandinha Martins disse...

sou mega branca... resolvi pegar sol e passar um protetor do boticário ( digo mermo kkkk) to toda manxada...ja xorei horroressss

Inspirações disse...

É... Algo a se pensar... O melhor seria se os momentos de férias fossem gastos sabiamente.

Precisando de um amigo, aqui estou...

http://inspiracoesmatinais.blogspot.com
inspiracoes.matinais@gmail.com

Ka disse...

Aiiin.. eu ADORO uma marquinha de bikini... e felizmente consigo ficar com alguma msm usando protetor solar...

tudo bem q o fps eh 15 (nos primeiros dias.. depois eh 8 ou 4) e que eu fico meeesmo lá no sol.. naquele horario bom sabe, das 11 as 4? hahaha

mas eu nao tenho mto essa neura de ficar virando nao... até pq gosto de ficar no mar ou em pé conversando.. ai queima por igual..

mas qto a neura da marquinha... visualiza a cena: dia 31 de dezembro esse ser aqui q vos escreve sai de casa de manhã e vai para Copacabana (encara todo o transito da preparação do ano novo, os testes de som na praia e os turistas q já iam chegando) e fica na praia até as 4 da tarde só pra nao virar o ano branca.. rs

hauahuahua

marquinha sempre vale a pena.. deixa a gt com cara de saudavel, disfarça celulite e estria e ainda é beeeem sensual

=)

Allana disse...

a...eu tenho qpassar muitooo protetor senão fico vermelha... morena...ui dificil d eficar.... mas acho q vale um pe2queno sacrificio fica lindOOO...mas não vale sacrificar todos os dias das ferias

Ice Ice Baby disse...

tenho muita preguiça de ficar me tostando..muuuuuuuuuita mesmo...

Dri disse...

Olha eu concordo com a Bell, fritar não é muito minha praia também. Deve ter algo haver com este meu bronze natural, à lá bicho de goiaba. Eu simplesmente não bronzeio então cansei de me martirizar correndo atrás do sol, pelo contrário: protetor fator 30 no mínimo rsrsrsrs

Lekkerding. disse...

Bom, eu dou graças a Deus de morar numa casa com uma bela sacada, e de não precisar abalar os nervos até o litoral pra conseguir uma marquinha. No mais, também dou graças a Deus de conhecer alguns truquinhos que não envolvem brincar de "Humano à Milanesa".
Adorei o post.

Bill Falcão disse...

Sua conclusão é perfeita, Andreas!
Bjooooooo!!!!!!!

Loira e Morena disse...

Eu adoroooo pegar uma cor e ficar com marquinha de bikine, mas como vou pelo menos uma vez no mês para a praia nem sou tao desesperada assim atras do sol... Tbm saio pra me divertir..hehehe

Beijaooo da Morena!

vida cotidiana disse...

Passei 3 anos sem colocar os meus pés na praia,por causa de tudo que você escreveu, mas nessas férias, me rendi, fui e tó com marquinha... é nada de mais... bjs

DESIRE disse...

Eu gosto de sol, mas besunto-me sempre de protector e chego mt cedo à praia, evitando sempre as horas proibidas.
Mas...do resto adoro sol e mar.
Beijos prometidos

Will disse...

Gostei muito da reflexão que li no fim e no fundo já pensei muito, num sentido um pouco mais figurativo, o que as marquinhas são. Não sei, mas se não perdessemos tempo em trivialidades, que graça teria então viver em função do que é realmente importante?
Não sei, mas quando penso em dispender tempo em o que parece irrelevante, eu só consigo pensar que isso, na verdade, é nada mais nada menos que um divertimento...
E, talvez, no fim, essas marquinhas sejam importante para lembrar o que é de fato lembrar importante pra gente.
Afinal, essa discussão não teria nascido, se antes dela, não fosse usado um tempo em função da busca de um bronzado perfeito, não é?
Muito legal o seu texto
Um abraço!

Barbara disse...

é.. concordo.. mais um pouco de calma na hora do bronzeado ia servir não?! eu moro em fortaleza.. e sou muito branquinha.. mais as vezes eu me bronzeio.. gosto! mas ultimamente eu nao faço isso.. ate pq o sol daqui esta muito forte. Adorei o texto. bjim

Bibi. disse...

Adoroooo ser branquinha!!!! Se vou a praia(o que é raro) uso protetor solar fator altíssimo pelo corpo todo(até no cabelo), sombrinha e chapéu...ou seja, pareço um et.

:D

Bibi. disse...

Adoroooo ser branquinha!!!! Se vou a praia(o que é raro) uso protetor solar fator altíssimo pelo corpo todo(até no cabelo), sombrinha e chapéu...ou seja, pareço um et.

:D

Drama Queen disse...

Sou branquela com orgulho! Pelo menos por esse auê não passo! :P

beijo

Natália Pons disse...

Aaaaaah eu tive um mini sucesso nestas férias!

Amo a marquinha de bikini claro!!!
E consegui com muito protetor solar 20, e repassando mil x o bendito protetos...
Mas nas costas não teve jeito...

Comecou a dar aquela descascadinha...

Masssss tudo bem né pessoal, é o preço que se paga por passar 340 dias do ano com o bronze palmito de escritório!!!!

Bjoooo

Casal do Arrocha disse...

Não curto muito sol não.
Por causa dessas coisas... rs
Sou branquinha mesmo.
Bjs.

A+☺$ disse...

Ola, só passando para deixar um oi.

Boa tarde para você!

irmandade disse...

AMEIIIIIII O BLOG, a linkeiiiiiiiii....


e a pele amare4la? moro em manaus, sol de 40graus na sombraaaa.. maiss nao consigo ficar bronzeada, o maximo q fico é amarela hehehhe.

Anne pimentel

Zíngara disse...

Nunca tive desejo de ter marquinha. Sinceramente. hahaha Sempre opto pelo bom e velho filtro solar, até para ir na esquina.

Muito bom o recado e o alerta deixado!

Beijo,
Zin

A+☺$ disse...

tem meme esperando vc no vcmeirrita =DDDD

Ka disse...

meninas o livro cehgou hoje!!

Obrigadaaaa

Beijos

MELISSA S disse...

Como o q? rs Encontrar o Andreas dando sopa na orla???? kkkkkkkk rs

Mamãe disse...

Ah, a mamãe aqui gosta disso tudo q vc descreveu aí, até pq , trânsito não me incomoda (vou de onibus mesmo, aproveito pra um cochilo) e, gente, a praia é o único lugar em que consigo ficar sem fazer rigorosamente N.A.D.A., só tem um detalhe, faço questão do protetor. Então viva os momentos de puro ócio. E que venham as marquinhas.

Marie Curie disse...

Como vc viu essa semana, o meu nick no MSN era Camarão de Água Doce... fui na piscina e fiquei toda ardida! E olha que eu nem queria o raio da marquinha, foi é puro esquecimento de passar protetor nas pernas, hhahaha! Bjus xuxu!

Emiliano M disse...

OI! Estou visitando a pedido de uma das blogueiras do divã (A Marie Curie aí em cima, OI MARIE!!)

Vou falar, esse blog é muito alienigena para mim, mas achei esse post MUITO BOM!! Sem dúvida a melhor e mais produtiva reflexão sobre "tomar sol" que eu já ví

é isso aí.

Fiquem na Paz

Fé Cristã, Ciência e Curinthia--> www.kleineherz.blogspot.com