quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Bridezilla II! Os detalhes ainda matam um!

IIBem, como eu disse, vou acabar transformando o diva em um diário de bordo na falta de um psicólogo que me escute. Esse papo de casamento é uma desculpa perfeita pra comprinhas de alguns detalhes. É a fita do bem casado, o papel do convite, a porra (surtei!!!) do travesseirinho bordado a mão para amarrar as alianças para a entrada na igreja... enfim, resolvi começar a dar uma olhada, e o que mais tem são um monte de opções para personalizar tudo. Os noivos podem ter um ataque narcisista e por a cara em garrafa de água, bolo, selo postal, tudo! Medo! E vem a necessidade de imprimir convites, cardápios, cartões de agradecimento...

O negócio é que mulher não pode resistir a uma coisinha bem feita. Se for artesanal ainda, pode aumentar e muito os níveis de "ooowwnnn!" ditos pelas noivinhas e amigas. E quanto mais fofo, em geral mais trabalho pra gente e principalmente mais caro. E vem vizinha bisbilhoteira dar palpite: "Mas cooomo você não vai fazer um bem casado diferenciado?! Minha sobrinha está embrulhando os dela em tecido!" Blé pra ela, e só o que eu digo. Daí, na tentativa de ter coisas fofas e economizar, tem gente que faz tudo ela mesma: faz o convite, o buque e os bem casados. Logo logo está lá fazendo a cerimônia ela mesma pra economizar no padre! Eu sou uma das loucas entrando por esse espiral do mal. Preciso pensar em coisas de solteira, dar uma espairecida. Prometo que tentarei escrever outros posts que não tem a ver com esse meu período louco e possívelmente homicida. Ando pensando se o status de noiva preparando casamento pode servir de atenuante no tribunal. Se fosse, seria uma grande vantagem nesses meus dias de cansaços...

Dizem que o casamento é só um, e é o dia mais feliz da sua vida. To pagando pra ver, e caro! Por enquanto o legal foi ficar passeando em lojas e pensando na despedida de solteira.

Bjus da Marie, a louca!

2 comentários:

Mabia Barros disse...

pois. gérberas, por favor. vide vídeo de casamento q o povo entra dançando. =)

e toda noiva vira bridezilla, mesmo as milionárias q podem pagar organizador...

Natália disse...

Ahhh, eu também estou organizando meu casamento! Sou uma bridezilla bem crescidinha já, hehe....

Pra mim, a pior parte está sendo o "acertar as contas com a Igreja", visto que não fiz catequese, crisma, blá, blá... aí agora estou em busca de um padre/pastor/qualquer coisa que faça a cerimônia FORA da igreja e para a qual eu não tenha nenhuma burocracia além do dinheiro. E tá meio difícil.

Boa sorte! E fica tranqüila, nem tudo é tão caro, dá pra fazer um casamento bacana e com custos bem modestos. É só não entrar na onda dos outros...

Bjos!