domingo, 13 de setembro de 2009

Meus pais no mundo da imaginação!

Qualquer pessoa que já passou pela puberdade sabe: pais são um perigo! Na verdade eles sempre foram, vide as fotos de você de maiô verde radioativo para que a mamãe não te perdesse na praia. Mas eu não estou falando daqueles micos que a gente acha que paga por ser vista com eles chegando nas festinhas de aniversário, do tipo "ai, todo mundo vai achar que eu sou criança andando com eles, fala sééério! Eu já assisto Malhação e sou suuuper pré adolescente!", mas da imaginação deles!
Pais não deveriam ter imaginação. A imaginação deles é a de um xamã usuário regular de substâncias ilícitas e cogumelos coloridos o suficiente para serem casinhas de smurfs, que associado à paranóia e aquelas certezas que eles sempre têm pode ser terrível!
Imagine a seguinte cena: Você diz que vai pegar o busão para encontrar sua amiga, de onde vocês irão para um barzinho e logo mais voltam. Quando você acabar de dizer isso, sua mãe já imaginou você morta, estuprada, roubada, grávida. Ah, e que você está mentindo e que no fim você vai encontrar um rapaz bobagento por aí e engravidar, que ônibus vai capotar, que você vai beber até as tampas e até pedir uns cogumelos emprestados para o xamã!
E essas são só as mães neuróticas. Para os pais se tornarem neuróticos eles precisam de gatilhos mais claros: como um "amigo" vir te buscar para passear, uma minissaia. E daí, eles são os piores! Por que se as mães se conformam em encher os seus ouvidos de reclamações e gritaria, os pais são os que determinam castigos e até podem ir lá "defender a honra da princesinha deles". E dá-lhe o papai esperando na porta de casa!
Como acalmá-los? Tem pais que gostam de ser enganados. Os que dizem que preferem que você conte tudo para eles para que eles imaginem que você não os engane tanto assim. Tem os que dão a camisinha quando você sai de casa (por que ele já imaginou que você vai fazer uma besteira, mas quer dar uma de pai legal para você contar ou está só jogando um verde pra te pegar no pulo).
Sempre que meus pais começam a pirar eu lembro a eles que eu "podia estar matando, podia estar roubando, podia estar me prostituindo mas no fim eu passo de ano na faculdade". É, como vocês devem imaginar, não funciona. E tente falar que se eles pensam isso tudo ou é por que eles assistem tevê demais ou, pior, eram eles que aterrorizavam as vizinhanças!
Enfim, ser pai deve ser bem complicado. Ainda mais com uma imaginação dessas. Pais deveriam ter a criatividade de pedras cinzas. E tenho dito.


Beijos da Marie!

15 comentários:

Kika disse...

RSrsrsrsrs...
Pior q é verdade.
Minha mãe tem uns instantes de neurose, mas na maioria das vezes ela é bem tranquila.
Porém, nunca vão deixar de se preocupar. Pode ser com 15, 20, 30 anoss...
Sempre vão estar ali, pra nos proteger de todas as maldades do mundo.

Olhos e pensamentos disse...

eu ja coloquei biquini fluoerescente na minha filha pra não perde la na praia...ela te 8, mas tenho certeza q meu marido vai morrer qdo ela começar a sair com os " amigos "...rsrs

Emylianny disse...

Meus pais são uma surpreendente mistura de carcereiros e libertários...as vezes dá até pra entender, na maior parte do tempo melhor nem tentar...

Kesy disse...

hauhauahau pais... o mundo seria terrível sem eles, não seria não??

Bem que meus pais deram uma boa acalmada agora... minha mãe costuma não dar muitos conselhos do tipo: "Cuidado para não fazer isso, senão pode acontecer tal coisa" porque ela acha (e eu concordo plenamente) que praga de mãe pega, e mesmo quando a intenção não é praguejar, não é seguro fazer esse tipo de comentário rsss

Beijos

Helena Gabrielle disse...

hahahahahahaa... eu to aqui rindo demais! Esse texto foi ótimO! Não adiantaria particularizar e dizer que vc descreveu com louvor como sao os meus pais, visto que a imaginaçao dos pais é essa em qualquer lgar do mundo! hehehe.

Desabafando disse...

nossa...adorei esse post...parece que vc descreveu meus pais...achei que fosse só aqui em casa assim....
o problema é que o pior aqui é meu pai...rsrsrsrs...ele já imagina chuva (manda carregar o guarda chuva), frio (manda levar blusa), manda usar máscara (pra não pegar a gripe do porquinho), imagina acidente de trânsito (manda dirigir devagar), imagina tudo de pior acontecendo junto...tem horas que eu falo: calma...para com isso, não vai acontecer nada...rsrsrs...

¤*Daiazinha*¤ disse...

É assim mesmo... se o mundo fosse do jeito que os pais imaginam, tudo seria muito mais divertido! Hahaha!

Bjo

Única e Exclusiva disse...

Brincadeira para você, no meu blog, passa lá.

bjos ;*

Marie Curie disse...

Kika: se preocupar é uma coisa, usar drogas já é criem federal, hauhauha! Bjus Kika!
Olhos e pensamentos: Vaaai, começa assim... "posso parar quando eu quiser". Logo mais você vai estar fuçando a bolsa da menina procurando camisinhas e anticoncepcionais! hauhauhau!
Emylianny: Os meus também. Para identificar qual é a fase, eu falo que vou sair de casa. Se me darem a chave do carro, estão libertários. Se pegarem a chave do quarto... corre!
Kesy:Nossa, praga de mãe é f*da! Ô boca!
Helena: Pois vamos desenvolver técnicas para driblar as feras! Bjus!
Desabafando: Eu acho que você já ouviu falar que blusa de frio é algo que os filhos usam quando as mães sentem frio! Bjus!
Daiazinha: Putz, ainda se eles imaginassem coisa boa... acho que a vida ficaria agitada, meio novela mexicana, mas nom ia ficar divertido nom! Bjus!
Única e exclusiva: Opa, passaremos! bJUS!

*Cah* disse...

Ai Marie...

pais são fogo!

Meu pai é terrível, porque ele ainda joga um emocional, pergunta se eu saio de casa pra ir na balada/barzinho/festa porque nao gosto de casa, naum gosto de ficar com a familia! ve se pode!?

Uma vez disse pra minha mãe que quem procura acha, quem pergunta tem que estar preparado pras respostas. Agora ela faz perguntas mais básicas e nada de muitos detalhes.

Mas mesmo assim, ainda é um sacrifício. Até quando eu saio com meu primo mais velho pra me vigiar, meus pais implicam.

Mas um dia vou ser mãe e vou passar por isso, então tenho paciência.

Beijos mil e boa semana!

Déia disse...

É, acho que só entenderei qdo tiver meus filhos rsrsrsrs

Mãe é tudo igual.. só muda o sobrenome kkk

bj

Raquel El-Bachá disse...

Oi Marie. Pior que para eles a imaginação fértil com relação ao que fazemos independe da nossa idade ou parcial independência financeira. A desculpa de minha mãe é de que ainda moro na casa dela.
Tenho 25 anos, trabalho e minha mãe sempre me enche o saco quando chego de madrugada. Se estiver saindo com algum "peguete" a pertubação no meu juízo é maior ainda.
Isso só vai passar quando eu não estiver mais em casa.
Beijos.

Marie Curie disse...

Cah: Pois é, a chantasgem emocional existe... minha mãe fala que eu não tenho sentimento de família! E meu pai não pode ver a gente doente, pode ser qualquer coisa, e ele fala que é por que eu saio por aí e como qualquer coisa! Um saco!
Raquel: Ah, "enquanto você morar aqui, vai ter que seguir as regras!" Isso eu acho irritante! Por que o dia que você sair de casa ela vai querer por a cabeça dentro do fogão e ficar tentando te monitorar via telefone ou porteiro da sua nova casa!
Bjus!

Becka disse...

ameeei , ameeei
porqe os pais são tão controladores ?

começei uma série nova no meu blog .
o 10 motivos .
o primeiro post é amanhã .
se der passa lá .


NÃO PERCA

Lekkerding. disse...

Morri de rir.
O pior é que eles são Drama Queens, mas com o mundo de hoje... Nunca se sabe quando vamos parar no Datena!