sábado, 8 de agosto de 2009

A marcha nupcial (ou seria a fúnebre?!)

Cara... to com medo. Sabe, vocês vão achar que eu sou velha depois daquele post sobre o renew, mas vejam só o meu triste mundo! Tá tooodo mundo casando em volta de mim! MEDO! Quando eu era criança quando alguém me falava algo que eu achava impossível, eu falava "ah, só em 2010. "Casar?! Só depois de 2010!" "Pessoas viajando para fazer turismo na lua? Só em 2010!" Daí eu olho na TV e vejo os vôos (ou voos, de acordo com o nóvo código ortográfico?) demonstrativos dos primeiros aviões a dar uma voltinha à Lua! Já eram os poetas a pensar nos mistérios da coitada!

E a minha poesia também. Imagino que eu tenho tanto tempo para tanta coisa ainda. Me imagino mochilando pelo mundo, voltando, arranjando um emprego de sucesso e casar beeem tarde... e nem estou pensando em filhos! Eles são muito mais teóricos na minha cabeça. Tudo o que sei é que eu acho que vou querer alguns pra ensinar coisa errada, e esse povo não só me resolve casar como chega pra mim fazendo perguntas sobre a vida de casada! É um tal de meu marido não me dá espaço, como fazer aquele risoto que ele gosta, que quer saber qual o nome para os filhos! Arre!

É complicado. Antigamente tinhamos os casamentos aos 16 anos (vocês sabiam que a bela adormecida tem 16 anos? Eu assisti esses dias e me lembrei disso), mas com a queima de sutiãs o período pós guerra fez com que as mulheres agora independentes se casassem com seus 30, 35 anos e fossem ter filhos bem tarde também. Eram mulheres embriagadas com o novo modelo econômico, com o poder conquistado.

Mas o porre passou. E com isso as mulheres sentiram novamente falta de ter alguém para estar do lado. E eu vejo cada vez mais os casamentos rolarem bem cedo. O casal mais jovem que eu vi casar, ambos tinham 21 anos, e não, ela não estava grávida. Acho que na inconstância em que o mundo se encontra, os jovens buscam em uma instituição tão tradicional algum conforto, um porto seguro. Em um mundo em que somos obrigados a ser livres e a tomar as decisões que queremos, de vez em quando queremos alguns parâmetros.

Claro que o casamento está com roupa nova... as alianças de compromisso estão entre namoro e noivado, o morar junto difere no casamento na parte legal, que é a opção mais adotada entre os jovens, naturalmente mais duros.

Pelo menos prefiro pensar que é assim. Por que eu acho que ainda sou novinha de tudo pra casar. Poxa, eu estava assistindo Bela Adormecida, não? Adoro fazer manha, comer doce antes do almoço até sentir enjoo (ou enjôo? Esse novo código é muito feio!) e luto diariamente com a vontade de ligar pro trabalho falando que eu preciso ficar em casa por que estou doente! Se eu pensar em casamento, logo terei que pensar em filhos, depois em escola, depois em faculdade, aposentadoria...

Vai ver é medo, vai ver é excesso de zelo. Só sei que quero levar essas etaps todas à seu tempo. Preciso fazer muita besteira ainda, e preciso convencer aos meus amigos a pararem de casar antes que eu surte! Preciso arranjar um bom emprego ainda e sair de casa, pelo amor de Madona!!

Quando falo em casamento não posso mais jogar para 2010... agora falo que vai rolar em dez semanas... santas! Pelo menos até passar o susto!

Ps: eu tinha um amigo que sempre confundia a marcha nupcial com a marcha fúnebre. Ato falho?
Ps2: eu tinha um outro amigo que confundiu certa vez a marcha nupcial com a marcha imperial, sabe? Aquela do Darth Vader... essa é loucura mesmo!

21 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Acho que casar cedo é loucura! Casando tarde já é difícil de dar certo imagina quando vc quer viver tudo que aparece...

Depois de dois casamentos quero ficar um bom tempo solteira, quiçá o resto da vida... rs

Beijocas

Alicia disse...

Adorei o post mtO interessante casar ta mais na moda que gripe suina menina haushashu sai to correndO por enquanto e mtOs enquantos....

Bjosss bom fds *_*

Desabafando disse...

eu tb me sinto assim como vc descreveu. Me assusta ver tanta gente ao meu redor casando, tendo filhos! É uma coisa surreal...rsrsrsrs...Me identifiquei totalmente contigo...e não sabia que a bela adormecida tinha apenas 16 anos não!

Caricaturas Urbanoides disse...

POis é, eu fui daquelas que casou cedo, tinha 22 anos. Já se vão 11 anos nessa frenética montanha russa.. Já vimos nossos amigos casarem, descasarem, terem filhos, já fomos a muitas festas de 1 ano, já participamos de muitas brigas amorosas, já acolhemos muitos amigos em nossa casa depois dos finais de relacionamento e por fim, nos chamam de casal 20, completando com a frase: Se vc´s um dia se separarem significa q não há mais esperança de relacionamentos felizes no mundo..
Acho curioso o que dizem a nosso respeito, mas eu passei a acreditar nisso.
Não me arrependo de ter casado tão nova. Aproveitei minha solteirice e ainda aproveitamos a vida. Acho que o problema das pessoas que se casam é esquecerem que a vida continua. Vejo amigos nossos que quando se casam parecem que viraram uns velhos. Nós somos o avesso desse estereotipo. Saimos todo o final de semana, como quando eramos solteiros, nos damos presentes, fazemos surpresas, etc... Dessa forma a convivencia fica agradável e a pessoa que vc divide o teto não é só seu marido, mas seu melhor amigo. Não trocaria minha vida hoje por nada, mas entendo perfeitamente quando amigas minhas querem pisar longe dessa robada..afinal de contas, hoje em dia, casamento está mais para roubada doq ue para felicidade..

Quem é tua Dona? disse...

Pois é, e eu aqui, querendo saber se dá pra namorar e levar uma vida de solteira..ô, meu Pai!

Beijos,
Anita.

Thathá. disse...

Confundir marcha nupcial com a marcha imperial foi ótimo! hauahuahauha
Ah, tudo tem seu tempo, mas é verdade que ver todos os nossos amigos indo pra novas etapas, vai deixando a gente meio louca, dá aquele medo de ser deixada pra trás...
Adorei o blog, estou te seguindo ! :)

Beijos ;*

Malaguetta disse...

raxei das confusões dos seus amigos com os nomes.
não sei,acho que 21 anos eh cedo pra casar,eu com 21 ainda estarei na faculdade. com 23 recem formada. acho que quero casar dos 30 pra cima. mas nunca se sabe né?
minha sogra casou com 18 e eu acho absurdo

Ana Julia disse...

Casar cedo é loucura mesmo... eu quero casar, mas já tô praticamente com 28 anos... rs! Só me falta a estabilidade financeira!

SUSANA disse...

Pois é, Marie, eu também não me acostumo com isso. Eu só pretendo casar depois dos 40. A dúvida é: tem algo errado comigo ou com o resto do mundo?

¤*Daiazinha*¤ disse...

Acho que não se deve planejar essas coisas sem que elas aconteçam! Tudo a seu tempo, né?! Vá vivendo a vida tranquilamente... abra o círculo de amizades... os seus amigos estão casando a sua volta, mas ainda existem muitas pessoas no mundo que pensam como vc, e que poderiam ser amigos novos, para que o tempo passe enquanto vc própria não case!!! Hahahaha!

Casamentos acontecem... e não é por acaso! Vai acontecer com vc quando encontrar alguém que te faça achar que vale a pena... enfim... o resto da história todo mundo sabe!


Bjo

Gi ... disse...

Eu tb tenho notado que as pessoas estão se casando cedo! Apesar que nos meus 28 a maioria dos meus amigos ainda está solteiro mas já falam em casamento!!!

Qdo era adolescente eu dizia que iria casar com 25, rs, qdo fiz 20 passei para 28, e principalmente depois de começar a atuar na minha profissão eu mudei para depois dos 30!!! Rs!

Acho que depende muito da situação, mas eu acho que a vida profissional exige demais hoje em dia a concorrência é brava! Eu já fico esgotada morando ainda com a minha mãe! Imagina só com casa e marido!!!

bjosssssssssss

Nina Fiuza disse...

Hahaha... que ótimo! Normal se sentir assim. O tempo realmente voa, até pra quem aos 26 já casou e teve filho (não necessariamente nesta ordem). Escrevi um texto sobre isso no meu blog chamado "A vergonha do amadurecer". Passa lá e dá uma lida. O link direto pra esse texto é http://maesolteirarecemcasada.blogspot.com/2009/04/vergonha-do-amadurecer.html
Espero que goste e volte sempre.
Beijocas!

Andreas Ribeiro disse...

Hei hei Marie!!!

Eu acho que as mulheres que se casam jovens tbm querem assistir barbie e ficar debaixo das cobertas comendo doce... não acho que o casamento mude essas coisas, por mais que as vejamos como "mulheres responsáveis"
Agora qto à idade a casar, acho que quanto mais a pessoa fala que vai casar tarde, mais cedo ela casa... hahahahaha
A negação é a vontade oprimida?? talvez... hehehe

E talvez eu seja mais um amigo em sua estatística =P

Beijos
Andreas R.

PS. Eiiii, eu tbm confundo a nupcial com a fúnebre =P

Bia Firpo disse...

Só dá pra falar em casamento depois de estar num relacionamento né gente! É uma coisa natural, depois de um tempo as pessoas que estão juntas e felizes passarem a pensar nisso, não tem grandes mistérios não, é natural!
Bjssssssssssssssssssssssss

Sarah disse...

Marie,
meus pais tao na maior pressao pra eu noivar, pq ne? qse 4 anos d namoro, kkkk, e as amigas, todas casando ou noivas ja, mas minha gente, praq ne? 2015 é meta! rsrs!
beijos

Drêycka disse...

kkkk

Assino em baixo, colega! heheheh Mas é só uma fase. Hoje é o casamente, depois todas as suas amigas vão ficar grávidas, daí vai dar aquela vontade de ter um neném pra brincar de boneca... ehheeh Contanto que fique só na vontade, é super saudável!

hehehehehe

ps: AMIIIIIGAAA AMEI OS NOIVINHOS DO BOLO! ONDE CONSIGO UM DESSES PARA UM POSSÍVEL CASAMENTO FUTURO? uhaahuhuahuahuahuahuahuah baixariaaa

Marcélia Macidália disse...

Eu já fui casada duas vezes e quero casar de novo!!!!
Com mais cuidado agora...enfim...sou mulher né?Quero um bonitinho tbm...
Sou feminista mas quero amor ora!
Beijos e boa semana!

Raquel El-Bachá disse...

Oi Marie. Também me sinto como vc. Todo mundo a minha volta casando e fazendo planos para casamento. Há um ano e meio eu pensava nisso. Hoje já não penso nisso e me vejo tão distante de um casamento. Quando aparecer alguém que valha a pena, eu volto a pensar no assunto.
Beijos.

Taminha disse...

Acho que esse é o ano do casório mesmo hahaha
Dois amigos meus ficaram noivos e um casal de amigos vai se casar no final desse ano...
meddoooo
acho que o epidemia msm q esta rolando no mundo é de casamentos!

Jessica lopes disse...

HAHAHA meu deus , que post hilário , pois é , concordo plenamente com tudo e a historia da marca nupcial eu tmb confundo com marcha funebre , mais abafa HAHA

Beijos

Jessica lopes disse...

Hilário o texto , concordo com tudo , e a parte da da confusão da marcha nupcial pra funebre eu sempre confundo as duas HAHA mais abafa :)